Arquivo da tag: zemmix

Zemmix, a família.

Falamos há alguns dias sobre Zemmix Neo, Zemmix Mini e outros. Mas, e os Zemmix “originais”? Falamos sobre eles no episódio sobre a Ásia. Mas se você quiser refrescar a memória a respeito dessas raridades (no Ocidente), o Konamito fez um post (antigo) no seu blog (sempre bacana) mostrando os 6 modelos produzidos, com fotos e textos a respeito. Afiem o espanhol e boa leitura!

Episódio 72 – Ásia – Parte B

retrocomputaria_vitrine_570x190

Sobre o episódio

Já falamos do Japão, mas também houve muita retrocomputação no Extremo Oriente, no subcontinente indiano e no Oriente Médio. Este episódio dá uma volta pela Rota da Seda retrocomputacional.

Nesta parte do episódio

Continuamos na Coreia do Sul, damos uma longa caminhada até a Índia e terminamos no Oriente Médio.

Ficha técnica:

  • Número do episódio: 72
  • Participantes: Ricardo, João, Cesar, Giovanni e Juan
  • Duração aproximada: 65 minutos
  • Músicas de fundo: Músicas que nos remetem a artes marciais
  • Download em ZIP

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Uma passada nas maluquices MSXzeiras coreanas

A Coreia do Sul pode não ter tido uma grande cena MSXzeira durante a época comercial do padrão, mas nos tempos atuais tem uma comunidade ativíssima, sempre se superando na arte.

***

De vez em quando falamos aqui dos experimentos da comunidade MSXzeira coreana com placas de OCM (e, toda vez, choramos com o fato deles não venderem pra fora da Coreia com medo de quem ainda tenha os direitos sobre as ROMs MSX). Graças ao MRC, temos o mais novo membro deste clube: o Zemmix Neo.

Os autores da belezura aí de cima, o grupo Retroteam Neo, só fez 100 destes OCMs com este belo case CNC emulando o Zemmix, a 260 dólares. E só. Só 100. Vendidos para a Coreia. E você não passou nem perto de comprar um deles. Tem um longo thread no forum do MRC pra quem não quer chorar sozinho.

***

Um dos que gostam de botar água na boca do resto do mundo é o usuário Painkilla, autor de diversos modelos de OCM. E que, agora, resolveu fazer seu próprio cartucho MIDI, a MIDI Interface 3, compatível com o TR GT e do tamanho de um cartucho Konami.

painkillamsxmidi1

***

E já que falamos de cartucho, que tal estes cartuchos pretos, brancos e transparentes de Overrich? E ainda são fáceis de abrir, para alegria dos desenvolvedores.

Para festejar a data de hoje…

… Nada melhor do que os comerciais da Gradiente e da Sharp, divulgando esse que é “o mais mágico dos microcomputadores”, o recém-balzaquiano… O MSX. Como vocês sabem (ou não), o MSX foi o primeiro microcomputador de 8 bits que foi amparado pela grande indústria de eletroeletrônicos de então. Logo, havia dinheiro para investir em marketing, merchandising e outros termos que eu não entendo, mas que fariam a máquina ser visível ao grande público. E entre eles, os comerciais para televisão.

Primeiro veremos o comercial da Gradiente. Este foi desencavado por Claudio H. Piccolo, e é o primeiro comercial, de 1985.

Agora, o comercial da Sharp, também desenterrado pelo Claudio, este é o do Hotbit preto, e é de 1988.

Ainda temos outros comerciais. Que tal esse, da Zemina, veiculado (óbvio) na Coréia? Sim, esse é tosco.

E lembre-se: Quando a chapa esquentar…

Continue lendo Para festejar a data de hoje…