Arquivo da tag: Videos

Comerciais às terças: Cromemco System Three, 1979

Vídeo promocional do micrão profissional baseado em Z80 e rodando (quase sempre) CP/M. Acreditem se quiser, com uma placa de memória de 256K, ele podia rodar um sistema Unix-like multiusuário, chamado Cromix. Com bank-switching de todo o espaço de endereçamento de 64K de uma vez, porque segmentozinhos de 8K ou 16K são para os fracos. Pergunte-me como. Ou rode emulado.

(Via)

Um papo tangencial para o dia de hoje.

Uma parte dos nossos leitores/ouvintes é colecionadora de micros e/ou videogames clássicos. Aliás, todos nós do lado de cá também. E é muito comum o colecionador se descontrolar e sair comprando tudo o que vem pela frente. É comum ouvir relatos como:

– Eu só compro “lixo” que ninguém quer! Vale tudo!

– Naquela época eu tinha titica na cabeça e comprava tudo que aparecia pela frente.

– Gastei um dinheirão em micros clássicos. Agora acabou o dinheiro e eu quero vender tudo.

– Arrumei briga com minha esposa por causa da minha coleção.

– Meu foco na coleção é não ter foco. O que vier eu traço.

E por aí vai. Eu sempre comentei sobre ter foco na coleção, e do meu foco, que é Um MSX de cada fabricante. Claro que é possível fazer algumas concessões:

  • Eu tenho dois MSX 2 da Yamaha feitos para os mercados árabe e japonês (AX-350 e YIS-804);
  • Eu tenho 2 MSX da Toshiba, um HX-10 (MSX 1 vermelho) e o FS-TM1, que é um MSX 2 da Toshiba, mas com a cara de um FS-A1, da Panasonic… Só que branco. Foi vendido no mercado italiano;
  • Tenho um Frael Bruc 100, sabidamente um dos MSX piratas feitos no mundo (junto ao MSX argentino, da SBX).

Mas então, boiando no YouTube outro dia, eu achei dois vídeos interessantes de um canal de retrogaming que podem ser muito úteis para nós, colecionadores.

Continue lendo Um papo tangencial para o dia de hoje.