Arquivo da tag: Retrobright

Repórter Retro 071

O Seu Repórter Retro

Bem-vindos à edição 071 do Repórter Retro.

Links do podcast

Música de fundo

Random Chiptune Mix 51

Ouvindo este episódio offline

Baixe o ZIP, descompacte e ouça com seu tocador de música preferido.

Onde este episódio (e todo o Retrocomputaria) está disponível

Os episódios do Repórter Retro estão, como todo o conteúdo do Retrocomputaria, em muitos lugares: Spotify, YouTube, Google Podcasts, Apple Podcasts, Deezer e, usando nosso feed RSS, qualquer programa para escutar podcasts.

Seu comentário é o nosso salário

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Retrobright no teclado do JVC HC-90.

Vocês sabem que eu gosto de compartilhar as minhas aventuras em retrobright, pintura, modding aqui com vocês, por alguns motivos. Entre eles, são:

  1. Porque eu gosto de falar de algo que eu fiz e deu certo.
  2. Porque assim eu posso estar animando alguém a fazer o mesmo.
  3. Porque senão eu esqueço como fiz e vocês já sabem, “Um povo que não conhece a sua história está condenado a repeti-la” (Edmund Burke).

Pois então, lembram do JVC HC-90, o mais novo integrante da família MSXzeira aqui de casa? Quem viu as fotos, deve ter notado que o teclado chegou BEM amarelado, inclusive as teclas. Olhei pra ele, pensei: “Esse aí é bom para mandar um retrobright“. Challenge accepted.

Este é o teclado do JVC HC-90, um MSX 2. Apesar de bem amarelado, funciona normalmente.

Continue lendo Retrobright no teclado do JVC HC-90.

Leituras de sexta

Pensando em usar o Retrobright para tirar aquele amarelado do seu micro clássico? Um frequentador da Casa dos Nerds conta sua experiência.

Faz tempo que não falamos de Veronica, né? Pois é, agora ela tem VRAM e tela de boot.

O Eliezer Kosciuk nos passou duas dicas muito bacanas: Kryo Flux Floppy Controller e Disc Ferret, para aquelas situações em que você precisa ler dados de disquetes que já viveram melhores dias. O DiscFerret, inclusive, foi parte integrante da saga da recuperação do código-fonte do Prince of Persia.

E vocês lembram da história do Twiggy que foi parar no eBay, certo? O Cult of Mac entrevistou o vendedor e… tem de tudo 😀