Arquivo da tag: homebrew

A New Marauder, para Atari 2600.

Não falamos de retrogaming aqui por motivos que vocês já sabem, mas aqui abrimos uma exceção. A New Marauder é um jogo homebrew  feito no Brasil para Atari 2600. A produtora, More Work Games, pegou a mecânica do Marauder original (Tigervision, 1982) e fez um jogo com fases completamente novas. Vale lembrar que o Marauder é, na prática, um clone simplificado do Berzerk, da Atari (um jogo simples e tão divertido, que me espanta não ter uma versão dele para outras plataformas além dos videogames e micros Atari). Já o A New Marauder é um jogo completo, desde a caixa (com cartuchos novos) passando por manuais, folhetos, caixa… E a qualidade supera a maioria dos jogos da época. O bacana é que eles não pretendem parar nesse jogo, querem fazer mais. Então, tire o escorpião do bolso e compre sua cópia, seu Atarimaníaco inveterado!

Repórter Retro Nº 028

O Seu Repórter Retro

Bem-vindos a mais uma edição do Repórter Retro.

Mais uma vez, pedimos desculpas pelo atraso.

Ficha técnica:

  • Número do episódio: 28
  • Participantes: Ricardo, João, Cesar, Giovanni e Juan
  • Duração aproximada: 88 minutos
  • Músicas de fundo: Músicas sortidas
  • Download em ZIP

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí­ embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Jogos velhos e novos para MSX.

Ilevan… Hein?


(Super) Ilevan é um jogo para MSX 1, feito por Koichi Nishida, em 1987. Ele enviou para a revista POPCOM, foi premiado, mas como tinha 12 páginas de código Assembly, não foi exatamente todo mundo que digitou-o.
Trinta anos depois, ele decidiu fazer uma versão em cartucho, e fez. Foram feitas algumas unidades tanto da versão MSX quanto da versão para Famicom (o Nintendo japonês – não, não tem versão para Nintendinho americano). 28 dólares + 6 dólares de envio.
E o jogo é bem feito, vejam a imagem aí embaixo:
Continue lendo Ilevan… Hein?

Enciclopédia Homebrew vol. 2 – saiu!

Vocês lembram que em 2015 a gente falou do volume 1 da Enciclopédia Homebrew, cujo objetivo era catalogar todos os jogos homebrew feitos para plataformas clássicas? Pois é, eles fizeram a captação via financiamento coletivo, e o volume 1 saiu.

Pois é, no encontro Amstrad Eterno 2017 foi feito o lançamento oficial do volume 2. Mais 500 resenhas, espalhadas em 370 páginas coloridas, que cobrem a produção de jogos, de 1993 a 2017. Ah, tem uma seção especial falando dos encontros de MSX em Barcelona também. Ficou interessado? 22 euros + frete, clique aqui.

 

RMD, um shooter vertical para MSX.

Esse é um shooter vertical, com a curiosidade de que foi escrito por um japonês (N. I.), em C, e é gratuito para download ou para jogar online. O jogo Slime Center (que falamos no post sobre a MSXDev’17) é uma criação dele. Se você quiser ver os outros jogos dele, pode ir no site dele que tem vários jogos disponíveis para download. Ele começou a desenvolver usando o compilador cruzado ccZ80++, então espere para breve um monte de jogos novos.

Ghost. Não é o filme, mas é o jogo.

Ghost é um jogo no estilo metroidvania que está sendo feito por Francisco Tellez de Meneses, também conhecido como o criador do jogo Unepic, para Wii U. No 50o encontro em Barcelona, ele apresentou um prequel do jogo, e o povo gostou. Então agora vem mais.

  • 100 telas, divididas em 5 mapas.
  • 3 chefes de fase.
  • Inspiração em histórias de ficção científica.
  • O lançamento será no próximo encontro em Barcelona, em 17 de junho de 2017.

O jogo custará 35 euros na sua edição especial, que terá cartucho, caixa, manual (em espanhol), e um poster em A3 desenhado pelo desenhista espanhol Alfonso Azpiri, que fez capas de jogos como Cobra’s Arc, Metropolis, Game Over II, Army Moves, MOT, Nonamed, Camelot Warriors… Só pra ficar nos que eu conheço, porque saíram para MSX.
Continue lendo Ghost. Não é o filme, mas é o jogo.

MSXDev’17 – O que vem por aí.

MSXDev 2017 comendo solto, regras novas… Vamos aos jogos inscritos até agora.

  • SKULLrs – um tributo ao Space Invaders e ao Pong.
  • Slime Center – um jogo de labirinto, com… Lodo viscoso.
  • Zevimodoki – O primeiro na categoria Freestyle, é um jogo inspirado no Xevious.
  • Tales of Popolon – Um jogo para MSX 1 com raycasting! Sim, o jogo é em 3D. Impressionante.
  • Wash Man – esse foi anunciado mas não temos maiores informações. Um jogo de plataforma onde você deve lavar a roupa suja de cama de um hotel.

Estou animado com o que teremos em 2017. E vocês?