Arquivo da tag: história

Crowdfunding do dia: MICRO80, no YouTube

Então, nosso chapa Marcus Garrett iniciou um novo projeto de financiamento coletivo. Depois do bem-sucedido documentário sobre a história dos videogames no Brasil (que vocês conhecem e, espero, tenham ajudado), ele iniciou a campanha para fazer um programa mensal no YouTube, é o MICRO80.

A proposta é ser um programa de entrevistas para resgatar a história da Microinformática no Brasil – que nós sabemos, muito rica e multifacetada. Eles já conseguiram o local onde gravar, que é na PUC-SP. Os vídeos serão disponibilizados no YouTube.

O programa será uma mesa redonda, segundo ele mesmo um pouco mais histórico e um pouco mais sério do que nós, meliantes que cometem o Retrocomputaria (*), mas assim como nosso podcast é, cheio de informações históricas e dados relevantes. Se você já quiser ir lá, clique aqui (ou no banner aí em cima) e já vá lá contribuir.

Continue lendo Crowdfunding do dia: MICRO80, no YouTube

Mais fotos do passado do MSX para começar a semana.

Numa matéria sobre MSX publicada na publicação semanal da ASCII (clique se você entender japonês, senão nem adianta), saiu mais uma matéria sobre os 31 anos do MSX. Bem, vamos ao que descobrimos sobre as fotos que estão lá.

Engenheiros da divisão MSX na Yamaha posando para uma foto, junto com um Kazuhiro Nishi novo e um Bill Gates com mais cara de nerd do que ele já tinha. Isso, em 1984. O futuro presidente da Yamaha, Kazukiyo Ishimura, também está nessa foto.
Engenheiros da divisão MSX na Yamaha posando para uma foto, junto com um Kazuhiro Nishi novo e um Bill Gates com mais cara de nerd do que ele já tinha. Isso, em 1984. O futuro presidente da Yamaha, Kazukiyo Ishimura, também está nessa foto.

Continue lendo Mais fotos do passado do MSX para começar a semana.

Episódio 73 – Microdigital – Parte B

retrocomputaria_vitrine_570x190

Sobre o episódio

Iniciando nossa série MSX TK CP raro único no MercadoLivre!, vamos contar a história da Microdigital com quem esteve lá – Cláudio Cassens.

Nesta parte do episódio

TK-3000 IIe, TK-3000 IIe Compact, TK-EXTended, TK Portable, LT 1600, Onyx, Onyx Jr, música, teclados, Vanral, calotes, causos e mais causos do nosso vilão especialmente convidado.

Ficha técnica:

  • Número do episódio: 73
  • Participantes: Ricardo, João, Cesar, Giovanni e Juan
  • Vilão especialmente convidado: Cláudio Cassens
  • Duração aproximada: 70 minutos
  • Músicas de fundo: Músicas de jogos das linhas fabricadas pela Microdigital
  • Download em ZIP

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Episódio 73 – Microdigital – Parte A

retrocomputaria_vitrine_570x190

Sobre o episódio

Iniciando nossa série MSX TK CP raro único no MercadoLivre!, vamos contar a história da Microdigital com quem esteve lá – Cláudio Cassens.

Nesta parte do episódio

TK-80, TK-82/82C, TK-83, TK-85, TK-90X, TK-95, TKS-800, ULA, Microhobby, Micromega, Microsoft, TK-2000, TK-2000 II, TK-3000 IIe, TK-3000 IIe Compact, impressoras, petições vs peticoes, concorrentes, causos e mais causos do nosso vilão especialmente convidado.

Ficha técnica:

  • Número do episódio: 73
  • Participantes: Ricardo, João, Cesar, Giovanni e Juan
  • Vilão especialmente convidado: Cláudio Cassens
  • Duração aproximada: 66 minutos
  • Músicas de fundo: Músicas de jogos das linhas fabricadas pela Microdigital
  • Download em ZIP

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Comunismo, clones, Apple ][ e TI

ice-felix-hc-85_newUm artigo muito interessante (e antigo) saiu na ZDNet (PC Magazine, lembram?) sobre como os clones de Apple ][ do Leste Europeu ajudaram a moldar o setor de TI da Europa Central.

E antes que você se pergunte… A resposta é que várias crianças romenas e húngaras (ou seja, falavam aquele idioma que é o único que o diabo respeita) aprenderam a programar em clones piratas do Apple II e do Sinclair ZX Spectrum. Por mais que tenha o tom de estamos tentando descobrir a razão do sucesso desses caras, vale a leitura.