O remake que ia acontecer e desaconteceu

A notícia causou um furor não só na comunidade MSX mas no mundo gamer em geral: A Konami havia autorizado um grupo de desenvolvedores (o Outer Heaven) a fazer um remake da primeira versão do Metal Gear!

MetalGear

E aí, no dia seguinte, o site de desenvolvimento está fechado, sem explicação, e sem informações por parte da Konami. Teorias da conspiração abundam.

Sobre Juan Castro

Juan Castro é uma das mentes em baixa resolução que cometem o Retrocomputaria – a única cujo Micro Formador não foi o MSX (e sim o TRS-80). Idealizador, arquiteto e voz do Repórter Retro. Com exceção do nome, que foi ideia do Cesar.

4 pensou em “O remake que ia acontecer e desaconteceu

  1. Entendo que decisões corporativas normalmente partem de mais de uma pessoa.

    Ou seja, num primeiro momento o aval para desenvolvimento foi concedido, mas creio que depois um ou mais executivos da Konami percebeu, seja pela repercussão, seja por inferência, que o remake poderia ser feito e lançado pela própria Konami.

    Provavelmente alguém do Marketing. Praga.

    1. Dado q o atual estado financeiro da Konami inspira cuidados, devem ter até contratado os desenvolvedores para fazerem esse remake, quem sabe? Afinal das contas, Metal Gear vende muito.

    2. Devem ter percebido que eles mesmos poderiam fazê-lo e capitalizar com tal.

  2. Grande expectativa, grande frustração. E pior é esse segredinho, ninguém diz o que houve e porque tudo acabou depois de ser alardeado aos quatro ventos que a konami dava sinal verde.

Os comentários estão fechados.