Arquivo da tag: RAM

Faça você mesmo seu cartucho multifuncional para MSX.

O cartucho Carnivore2, lançado pelo Alexey e seu grupo de malucos escovadores de bits, é um cartucho multifuncional, com vários recursos implementados, como:

  • 8 Mb de FlashROM.
  • 1 Mb de RAM (Mapper)
  • uma interface IDE (cartão CF)
  • Suporte a FM-PAC e SCC

O legal é que ele pode funcionar como se fosse todos os cartuchos simultaneamente. Mas isso não é tudo, temos uma boa e uma má notícia.
Continue lendo Faça você mesmo seu cartucho multifuncional para MSX.

Repórter Retro Nº 014

O Seu Repórter Retro

Bem-vindos a mais uma edição do Repórter Retro.

Ficha técnica:

URLs do podcast:

Não se esqueça de deixar seu comentário aí embaixo; afinal, seu comentário é o nosso salário. No entanto, caso você prefira, entre diretamente em contato conosco.

Vídeo do dia: milicos ianques explicam as memórias de ferrite

Entre uma intervenção e outra, os colegas do Recruta Zero e do Sargento Tainha mantinham-se atualizados quanto ao estado na arte da tecnologia. Que, no caso das memórias de computador nos anos 50 e início dos 60, consistia em armazenar cada bit em uma rosquinha magnética do tamanho aproximado de uma miçanga. Veja como:
Continue lendo Vídeo do dia: milicos ianques explicam as memórias de ferrite

Atari e o Caso das Memórias Contrabandeadas

Nos Estados Unidos (terra da Liberdade, da Torta de Maçã e dos 60 Hz) existe uma lei federal chamada Freedom of Information Act, que permite a qualquer cidadão requerer toda sorte de documentos do Poder Executivo, com algumas restrições, e o governo é obrigado a fornecer os documentos pedidos.

Caso em questão: um retrocomputeiro curioso chamado Josh McCormick pediu todos os arquivos do FBI das décadas de 70 e 80 relacionados à Atari. O FBI diligentemente enviou um calhamaço de documentos. Nosso amigo Josh encontrou várias instâncias do que ele esperava ver (a Atari denunciando pirataria cópia ilegal do software dela e pedindo investigações)…

…e algo que nem ele nem ninguém esperava: uma investigação de uma operação de contrabando de chips de memória do Japão via Hong Kong, para burlar um acordo comercial de protecionismo entre os EUA e o Japão! Para ir a fundo (bem fundo) nessa história, clique aqui.

Via Josh Renaud.