Arquivo da tag: Encontros

Jogos novos para MSX!

Vídeos, vídeos e vídeos da última Retro Barcelona.

Vocês sabem que nós somos picaretas, então fizemos um post com alguns vídeos interessantes que vimos da última RetroBarcelona, que ocorreu em… 2016! Sim, aí está a picaretagem. Então, alguns vídeos um pouco velhos (mas ainda interessantes) para o seu deleite.

Continue lendo Vídeos, vídeos e vídeos da última Retro Barcelona.

RetroRio 2017: Está chegando!

O nosso banner já está lá na porta do Centro de Artes Calouste Gulbenkian!

Gente, a RetroRio 2017 ocorrerá daqui a dois dias, em 16 e 17 de junho de 2017, no Centro Municipal de Artes Calouste Gulbenkian, na rua Benedito Hipólito, 125 – Praça Onze – Rio de Janeiro. O horário é entre 10 e 18 horas, e contamos com a presença de todos vocês.

Todos aqueles que cometem o Retrocomputaria estarão presentes (*), e para você que ainda não sabe detalhes, tudo está na nossa página especial, clicando aqui. Ajudem-nos divulgando o evento. Como já dissemos, queremos fazer da RetroRio o maior e melhor encontro retrocomputacional que já houve nessa Cidade Maravilhosa.E agradecemos o apoio dos amigos da Tecnobytes para a realização dessa RetroRio.

Se você vai, alguns detalhes que são importantes:

Continue lendo RetroRio 2017: Está chegando!

X64, o CPC envenenado.


A última RetroMadrid não foi só palco para exibição do VRoBIT, máquina que pretende ser compatível com o MSX original, e que eu tenho uma opinião muito particular... Também tivemos a primeira mostra da CPC-X64, uma placa-mãe para Amstrad CPC que traz várias novidades, substituindo vários chips por FPGAs e CPLDs, mas que é para por dentro do seu CPC velho de guerra. Ou seja, remove a placa antiga e coloca a nova.

O que tem nela? Bem… O conteúdo da CTC-AY e mais um pouco. Ainda não tem preço definido, mas se você tem uma “telha” como o CPC 464 e quer dar um upgrade, é algo para se observar.

RetroRio 2017

Pessoal, agora é oficial. A RetroRio 2017 está chegando, e estamos iniciando a divulgação desse que  é o encontro carioca de usuários e entusiastas de microcomputadores clássicos.

Esse ano, a RetroRio será realizado no Centro Municipal de Artes Calouste Gulbenkian, na rua Benedito Hipólito, 125 – Praça Onze – Rio de Janeiro.  Ela ocorrerá nos dias 16 e 17 de junho (sexta e sábado), das 10 horas até as 18 horas. E desde já, nosso muito obrigado à Secretaria Municipal de Cultura da cidade do Rio de Janeiro pelo apoio, e à direção do Centro Municipal de Artes pela cessão do espaço.

Maiores informações na nossa página especial sobre o evento, em http://www.retrocomputaria.com.br/retro-rio-2017/ . Pedimos que vocês nos ajudem na divulgação, propagando aos quatro cantos da Internet: Em redes sociais, listas de discussão, grupos de WhatsApp (inclusive os da família), fóruns, enfim, tudo que for possível falar e anunciar. Nós queremos fazer da RetroRio o maior encontro retrocomputacional que já houve nessa Cidade Maravilhosa. Lembre-se que a RetroRio é aberta a todas as plataformas retrocomputacionais. E contamos com a presença de vocês, cariocas, fluminenses, brasileiros e estrangeiros. Aproveite o feriado e venha curtir o encontro, a entrada é franca, e todos são convidados.

Nos vemos na RetroRio!

Amstrad Eterno 2017 – como foi?

Aqui, em terra brasilis, o Amstrad não é uma máquina lá muito popular. Mas na Europa, o computador com cara de computador (segundo Lord Alan Sugar) foi uma máquina bem-sucedida, concorrente dos ZX-Spectrum. Tanto que em Barcelona, no último dia 18 de março, teve um encontro de usuários de Amstrad, o Amstrad Eterno 2017. E o pessoal do Tromax TV foi lá. Quer ver? Dê o play no vídeo aí em cima e divirta-se.

RetroMadrid 2017: A volta dos que não foram.

Quisera eu poder ir a Madri para esse encontro… Mas não posso. Se você estiver por lá, saiba que a RetroMadrid está de volta, depois de 2 anos de hiato. 29 e 30 de abril de 2017, no Centro Cultural Daoiz y Velarde, na simpática e SECA capital espanhola. Segundo ele, essa é a volta do encontro ao modelo original, de “recuperação da sua orientação cultural, em um modelo mais sustentável tanto para colaboradores quanto para visitantes e organização“. O foco será os microcomputadores clássicos.

Maiores informações em RetroMadrid.org. E se você for, nos conte como foi.