Sony SMC-777, um primo distante do MSX.

1983_smc777_thumb

O Sony SMC-777 é um computador produzido pela Sony e lançado em novembro de 1983. Ele é um Hitbit… Mas não é um MSX! Vamos ver um pouco mais sobre ele então.

Todo mundo sabe que o padrão MSX é baseado no computador SV-328, da Spectravideo, e que mais de 20 empresas no mundo todo seguiram o padrão, inclusive a Sony. Só que a Sony, assim como Panasonic, Hitachi, Toshiba, Philips e outras empresas, também produziram seus computadores domésticos pré-MSX.

A Sony produziu o SMC-777, que é um computador doméstico, mas que foi lançado simultaneamente aos MSX. Algumas características dele são:

  • Drive de 3,5″ no gabinete (280 Kb).
  • Teclado profissional de 74 teclas, com direcionais para o cursor e teclas de função.
  • 4096 cores, sendo que até 16 seriam vistas simultaneamente na tela.
  • Resoluções de 320 x 200 (16 cores) e 640 x 200 (4 cores).
  • 38 Kb de VRAM.
  • Processador: Z80, mas poderia haver um secundário, um M5L8041.
  • Modos de texto: 40 e 80 colunas.
  • 1 slot de expansão.

Abaixo, um vídeo de alguns jogos do SMC-777:

Tem um site dedicado ao SMC-777, que está disponível em japonês e inglês. Mas não se anime, não tem atualizações desde 2002 (!), e a versão mais completa é a em japonês. Ainda tem uns screenshots e link para um emulador para Windows. Se quiser conhecê-lo, clique aqui.

E aí pergunto: E se a ASCII tivesse baseado o padrão MSX nessa máquina, ao invés de ser na Spectravideo? Como seriam as coisas? Coisa a se pensar…

vigia

Mais informações no Old Computers e no IPSJ Computer Museum.

Fonte: Konamito.

8 comentários sobre “Sony SMC-777, um primo distante do MSX.

  1. Pros fãs de realidades alternativas e universos paralelos o SMC-777 usa a primeira geração de disquetes de 3,5″ que difere um pouco daqueles que chegamos ao conhecer como tal por (1) a trava contra gravação ser uma peça plástica que você quebrava ao invés de deslizar e (2) a janela que protegia o meio magnético precisava ser deslizada manualmente antes de se inserir o disco na unidade. — http://smc777.com/disktype.htm

    Ah sim, o MSX e o SMC-777 compartilham um jogo, a aventura New Adam and Eve — http://www.generation-msx.nl/software/sony/new-adam-eve/817/

    1. Esse jogo aí do vídeo, o “STRIZ B.H.”, só é legal pelas abertura e os fundos que ele usa mas quando você joga fica com saudades de Zaxxon e dá pra sentir uma certa agonia nos gráficos — algo como quando vi um PowerMac G4 minimizando a janela no efeito Genie sem a aceleração 3D para ajudar, deu quase pra ouvir a CPU gritando de dor. 🙂

    2. Calma.

      Não existe nenhum MSX baseado no SMC-777, a especulação foi “e se a ASCII usasse o SMC-777 ao invés do SVI-328 como base para o padrão MSX”?

      Só isso. Calma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *