Porque nós não cansamos de ver resgates de micros clássicos!

E o Tezza (Terry Stewart) nos conta que recebeu um telefonema de um sobrinho, que trabalhava numa empresa de telecomunicações. Enquanto ele revirava o forro de uma escola, ele achou alguns micros armazenados no sótão, e inacreditavelmente, nenhuma limpeza de primavera a encontrou. Como a direção da escola não se interessava, lá foi ele ligar para quem se interessasse.

Além de vários PCs comuns, foram encontrados:

  • Um Mac Plus completo.
  • Um HD externo SCSI (provavelmente era para o Mac Plus).
  • Três Apple IIe Platinum.
  • Três drives de 5 1/4″ da Apple.
  • Um Apple Colour monitor.
  • Um Apple Monochrome monitor.

Os PC-clones e um segundo Apple Colour Monitor (que estava quebrado) não foram reaproveitados. Todos os computadores tinham pelo menos 15 anos poeira, sujeira e barro. Logo, desmonte, banho, remontagem e reparos, e temos tudo funcionando novamente.

2014-12-21-iie-gear-washed
Tudo menos o Mac Plus.

Quer mais detalhes? Clique aqui.

Sobre Ricardo Pinheiro

Ricardo Jurczyk Pinheiro é uma das mentes em baixa resolução que cometem o Retrocomputaria. Editor do podcast, rabiscador não profissional e usuário apaixonado, fiel e monogâmico do mais mágico dos microcomputadores, o Eme Esse Xis.

1 pensou em “Porque nós não cansamos de ver resgates de micros clássicos!

  1. Muito bom ter uma sorte assim. Aqui no Brasil já teriam ido pro lixo.

Os comentários estão fechados.